NOTÍCIAS LOCAIS | 13/09/2018
20ª CRE_Gestão é receita das escolas estaduais melhor avaliadas no Ideb



A 20ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), de Palmeira das Missões, comemora o bom desempenho de suas escolas estaduais no Ensino Fundamental - Anos Iniciais e Finais, no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2017. Ao todo nove escolas ficaram entre os dez primeiros lugares da rede do Estado.
Para a titular da 20ªCRE, Ana Jossade Félix Vieira, o trabalho dos gestores das escolas juntamente com o empenho e comprometimento dos professores levaram às escolas a obterem melhores resultados em relação aos anos anteriores. “Queremos parabenizar as nossas escolas e, em especial, as que atingiram resultados acima da meta. Isso demonstra o trabalho sério desenvolvido pelos nossos diretores e professores das nossas escolas estaduais, garantindo a qualidade da Educação Pública”, destacou.
Ranking das Escolas da 20ª CRE no Estado
Ensino Fundamental (Anos Iniciais) - meta 5,8 pontos
Colocação Escola Município Resultado
3º Escola José Canellas Pinheirinho do Vale IDEB 7,8

4º Escola Afonso Pena Frederico Westphalen IDEB 7,7

6º Escola Bom Pastor Planalto IDEB 7,5
7º Escola Madre Teresa Seberi IDEB 7,4
8º Escola Cardeal Roncalli Frederico Westphalen IDEB 7,3

10º Escola Alfredo Westphalen Seberi
IDEB 7,1

10º Escola José Zanata Taquaruçu do Sul IDEB 7,1



Ensino Fundamental (Anos Finais) - meta 5,0 pontos

Colocação Escola Município Resultado
2º Escola Afonso Pena Frederico Westphalen IDEB 6,9



Para a diretora do Departamento Pedagógico da Seduc, Sônia Rosa, o incentivo às formações docentes, a construção do Referencial Curricular Gaúcho e os investimentos em infraestrutura contribuirão para que cada vez mais escolas atinjam as metas propostas. \"A partir de um novo conceito de currículo, conectado com a realidade do século 21, poderemos intervir de forma positiva e qualificar o ensino gaúcho\", projeta.

Ainda em 2018, a Seduc oferecerá curso de qualificação obrigatório para os diretores de escolas que irão assumir a gestão dos 2.5 mil estabelecimentos de ensino do Estado ainda no final deste ano. O objetivo é trazer informações sobre o funcionamento da Seduc, a partir dos departamentos de Planejamento, Administrativo, Recursos Humanos e Pedagógico, além de conteúdo voltado para a liderança e comunicação (media-training). A carga horária será de 120 horas - três etapas -, sob a forma de Ensino à Distância (EAD), em plataforma digital.

Com informações ACS/Seduc




comentários
Clique para comentar

enviar comentário