POLÍTICA | 10/08/2018
Eduardo Leite, candidato a Governador pelo PSDB, esteve em Palmeira das Missões


Esteve em Palmeira das Missões, na manhã desta sexta-feira (10/08), o candidato a Governador do Estado pelo PSDB Eduardo Leite. No encontro, realizado na pizzaria Cazanostra, estiveram presentes além de simpatizantes, o vice-prefeito Lúcio Borges (Progressistas), ex vice-prefeito Junior Suzano (Progressistas), deputada estadual Zilá Breitenbach (PSDB), vice-prefeito de Canela licenciado e que concorre a deputado estadual Sr. Gilberto Cezar, o qual é palmeirense; prefeito de Rio dos Índios e ex-presidente da Famurs Sr. Salmo Dias, secretários municipais Ilso Falkemback, Silvestre Becker, Pedro Santos e Ademar Barcellos; vereadores Fernando de Carli e Marcelo Saggin; presidente da ACAIP Sr. Luiz Tonello e ex vice-prefeito de Palmeira Bernardino Mafalda.

Na oportunidade o candidato conversou com a reportagem do jornal A Madrugada e falou sobre o seu perfil e as propostas de sua candidatura:

- Tenho 33 anos, fui prefeito de Pelotas com 27 anos em 2012, antes disso fui vereador, secretário municipal e presidente da Câmara Municipal de Vereadores. Como prefeito de Pelotas, a qual é a terceira maior cidade do Estado, mas a nona em economia do Estado; posso dizer que sei bem como é governar na dificuldade, quando se falta recursos temos que ter muita criatividade e responsabilidade na aplicação dos recursos para atender as demandas da população, pois são muitas demandas e poucos recursos. Entre as cinco maiores cidades do Estado, que tem mais de 200 mil eleitores e tem segundo turno, Pelotas foi a única cidade em que o prefeito elegeu um sucessor, e elegemos em primeiro turno com a maior votação da história da cidade, isso é expressivo do bom resultado que apresentamos para a população. Certamente não é porque tenhamos resolvidos todos os problemas da cidade, problemas ainda existem obviamente, mas a cidade passou a ver solução, isso me anima para o Rio Grande do Sul, não iremos resolver todos os problemas do Estado, mas podemos atacar aqueles problemas que são mais determinantes na baixa autoestima do gaúcho que hoje se vê sem esperança, com desalento e sem confiança no futuro. Precisamos recuperar o entusiasmo no Estado, isso se dá com investimentos que retomam o nosso desenvolvimento, viabilizando investimentos em parceria público-privada em infraestrutura para desenvolver as regiões; reduzir a burocracia para se ter maior agilidade na aprovação de projetos e com isso atrair novos negócios ao Estado; buscar a redução da carga tributária, hoje temos uma carga de ICMS mais pesada do que em outros estados com que competimos, então temos que trabalhar a redução do custo da máquina pública para poder reduzir impostos. A educação deve estar conectada aos novos tempos, viabilizando mão de obra qualificada para o que for demandado lá na frente; na segurança pública temos o nosso candidato a vice-governador Delegado Ranolfo (PTB), o qual foi chefe da Polícia Civil, segurança pública é demanda nas cidades pequenas e grandes para que o Rio Grande volte a ter tranquilidade; e é claro a saúde pública, que é uma demanda da população e da nossa região aqui viabilizando o Hospital Público Regional na questão do custeio e compra de equipamentos, para que atenda a região em média e alta complexidade.

Na oportunidade, o candidato Eduardo Leite assumiu compromisso com o Hospital Público Regional, o qual beneficiará uma população de mais de 70 municípios do norte e noroeste gaúcho –“Assumo esse compromisso com Palmeira das Missões, que é prioridade, temos que cortar onde for necessário para podermos elegermos esta prioridade tão importante de viabilizar o atendimento em média e alta complexidade próximo da população desta região”.


Carlos Eduardo Ardenghi/Jornal A Madrugada.


comentários
Clique para comentar

enviar comentário