Nove vagas ainda restam para defender a Seleção na Copa do Mundo | 12/05/2018
Até o momento, 14 jogadores foram confirmados pelo técnico Tite


Quando na próxima segunda-feira pela manhã Tite anunciar, diretamente da sede da CBF, os 23 nomes relacionados para defender a Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Rússia, em junho, é bastante improvável que exista alguma surpresa. Não há, entre os torcedores, a mesma expectativa de Mundiais anteriores sobre determinado jogador. Em 2002, a torcida teve que esperar até o último momento para saber se Felipão levaria ou não Romário. Não levou.
Mais tarde, em 2010, houve quem apostasse em Neymar e Paulo Henrique Ganso até o último minuto. Dunga não os levou. Agora, sequer existe mistério em torno dos principais nomes pelo simples fato de que, em entrevistas anteriores, o treinador da Seleção já confirmou um punhado de nomes, entre os quais o do atacante Neymar, grande estrela da equipe.

Além do atacante do Paris Saint-Germain, outros 14 jogadores foram confirmados por Tite. Como a relação conta com 23 nomes, restam ainda nove vagas em aberto. E essa sim é uma disputa da qual pode se esperar qualquer tipo de surpresa. Até mesmo porque, de uma forma ou de outra, a lista não está fechada até o final da noite deste domingo pelo menos. Um bom exemplo é Daniel Alves.

No último domingo, o lateral sofreu uma lesão no joelho direito na final da Copa da França. Sua assessoria se apressou em afirmar que três semanas de tratamento eram o suficiente. Porém, o problema se mostrou mais complicado do que se pensava e, como não há tempo hábil de recuperação, o jogador se transformou em um desfalque de última hora para Tite.
fonte: Correio do Povo.


comentários
Clique para comentar

enviar comentário